Abril marrom alerta as prevenções e causas da cegueira

Fundamental para a nossa vida, a visão faz toda a diferença no nosso dia a dia. Por esse motivo, foi criado no Brasil a data para alertar as pessoas para darem mais valor e importância aos olhos. O mês de abril também é comemorado o Dia Nacional do Braile (8/4). A data é o nascimento de José Álvares de Azevedo (08 de abril de 1834) o professor responsável por trazer, em 1850, o alfabeto Braille ao Brasil.

Segundo o IBGE, mais de 6 milhões de pessoas tem algum tipo de deficiência visual. O médico oftalmologista Carlos Yamane, explica que a cegueira pode ser reversível ou irreversível, portanto muitos casos podem ser tratados ou preveníveis. As causas de cegueira reversível são: catarata, ceratocone, deslocamento de retina – desde que tratado com urgência. Já as não reversíveis são: glaucoma, degeneração macular avançada ou retinopatia diabética. “Cuidar da saúde como um todo, principalmente àqueles diabéticos, visitar regularmente o oftalmologista e cuidar bem dos olhos, evitando também uso de óculos não certificados são algumas medidas preventivas”, detalha.

Os especialistas são claros, quando se referente ao cuidados com os olhos devem iniciar desde a infância e em todas as fases da vida. É necessário monitorar sempre a saúde dos olhos, de acordo com o estilo de vida do indivíduo e profissão que atua na sua rotina. “Muitas das doenças oculares são silenciosas, não apresentando sintomas nas fases iniciais, portanto, o diagnóstico precoce previne a perda da visão. Recomendo a visita ao oftalmologista no mínimo uma vez ao ano”, completa Carlos Yamane.

Corpo Clínico

DR. CARLOS HAYATO YAMANE – Oftalmologista responsável pelo departamento de Catarata da Auge Oftalmologia. Formado em Medicina pela UFTM. Atuando com excelência há mais de 30 anos na área de oftalmologia em Brasília, durante esse período colaborou para a formação de dezenas de novos cirurgiões, hoje espalhados por todo país.

Graciliano Cândido – Jornalista

ÚLTIMAS NOTÍCIAS